Visto eletrônico do Canadá custará CAD $7

canadaO consulado canadense forneceu mais informações sobre a tão aguardada autorização eletrônica de viagem para estrangeiros, o Eta. O sistema já tem, inclusive, data marcada para entrar em vigor de forma obrigatória: 15 de março.

Na prática, o novo processo isenta visitantes de determinadas nacionalidades de solicitarem o visto para o país por vias tradicionais, indicando maior pré-disposição do governo local em receber mais visitantes ao redor do globo.

A facilidade é válida para viajantes que utilizam via aérea para chegar ao Canadá e pode ser solicitada on-line a partir de agora, de forma voluntária de registro. O documento custa sete dólares canadenses e é válido por cinco anos ou até a validade do passaporte, o que ocorrer primeiro.

Ainda não há uma data confirmada para a implementação da Eta em escala global, mas Brasil, Bulgária, México e Romênia já foram citados como primeiros países que farão parte da expansão do sistema. Quando autorizado – após a implementação em países que atualmente estão isentos do visto para o Canadá -, será possível usufruir da Eta os consumidores brasileiros que já tiveram visto canadense nos últimos dez anos ou que possuem visto norte-americano válido.

Caso o solicitante não se encaixe em um desses casos, a solicitação do visto segue como obrigatória. Vale destacar que os viajantes elegíveis à Eta serão ainda pré-avaliados, a fim de identificar e prevenir a chegada ao Canadá daqueles indivíduos conhecidos por serem inadmissíveis.

SITUAÇÃO ATUAL
O consulado informa que os viajantes brasileiros possuem processo “simplificado por meio de programas especiais de facilitação de viagem”.

Independente do objetivo da visita, os solicitantes podem fazer pedidos de visto on-line, caso em que não precisam abrir mão de seu passaporte senão no final do processo. Podem também fazer o pedido de visto em papel, utilizando os serviços de um dos três Centros de Solicitação de Visto, localizados em São Paulo, Brasília e Rio de Janeiro. Os espaços recebem pedidos de vistos de visitantes e ajudam a garantir que o pedido está completo, reduzindo eventuais atrasos.

Fonte: Panrotas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *